Praia do Laranjal em Pelotas - Turismo no Rio Grande do Sul, Turismo em Pelotas
Praia do Laranjal em Pelotas - Turismo no Rio Grande do Sul, Turismo em Pelotas
Pelotas 11°C
Portal Praia do Laranjal - www.PraiaDoLaranjal.tur.br
Praia do Laranjal, Pelotas, Rio Grande do Sul

Nesta terça-feira (30), 1.844 pessoas com 70 anos ou mais receberam a 1ª dose da vacina contra a Covid-19

Entre sábado (27) e esta terça-feira (30), a Prefeitura de Pelotas garantiu a imunização de 6.448 idosos com idade entre 70 a 73 anos contra o coronavírus. Nesta terça-feira, a vez do grupo de 70 anos, foram 1.844 vacinados. Um deles foi o vice-prefeito Idemar Barz, que chegou ao local por volta das 11h e, às 13h30min, já tinha recebido a 1ª dose.

Enquanto se aproximava da mesa dos aplicadores e aguardava sua vez na fila, Janice Neri, 70 anos, sozinha em seu carro, agradecia às equipes pela estrutura oferecida nos pavilhões do Centro Municipal de Vacinação Covid-19. “Eu chego a me emocionar. Fico pensando se todos os lugares pudessem ter esse tipo de organização”, refletiu. Agora, mais protegida, Janice contou que passou todos os dias das últimas semanas lendo as notícias, no aguardo do anúncio da sua vez de ser contemplada com a vacina.

Idemar Barz, chegou ao local por volta das 11h e, às 13h30min, já tinha recebido a 1ª dose. Foto:Michel Corvello/ASCOM

Casados há 46 anos, Luís Fernando e Eva Martha Morales, 70 e 71 anos, respectivamente, comemoraram o fato de estarem sendo imunizados juntos nesta terça-feira. “A gente fica mais seguro”, afirmou Luís. A vontade de estar protegido é tanta, que o único desejo dele é que o tempo de espera entre a 1ª e a 2ª dose fosse mais curto. “Estou aliviada, tranquila e confiante”, classificou Eva.

Vacinação simultânea nesta quarta e quinta-feira

Na quarta (31/3) e na quinta-feira (1º/4), a imunização de idosos contra a Covid-19 vai ocorrer de maneira simultânea na cidade. Enquanto nas escolas municipais vai ocorrer a vacinação de pessoas com 70 anos ou mais, o drive-thru receberá os integrantes do grupo com idade a partir de 68 anos.

Os idosos com idade entre 70 a 73 anos ou mais, que não conseguiram se deslocar até o Centro de Eventos, nos últimos dias, não precisam se preocupar, pois a aplicação das doses está chegando aos bairros. O processo vai ocorrer em sete escolas municipais, e o sistema de distribuição de fichas diário será repetido.

Fique atento à programação nos bairros

– Quarta-feira (31/3) – vacinação de idosos de 73 e 72 anos ou mais, nas sete escolas, das 10 às 17h

– Quinta-feira (1º/4) – vacinação para idosos de 71 e 70 anos, nas sete escolas, das 10 às 17h

Relembre o endereço das escolas

– EMEF Balbino Mascarenhas – rua Cândido Augusto de Mello, 415 (Simões Lopes) – 200 doses por dia

– Colégio Pelotense – rua Marcílio Dias, 1.597 (Centro) – 400 doses por dia

– EMEF Ministro Fernando Osório – avenida Fernando Osório, 1.522 (Três Vendas) – 400 doses por dia

– EMEF Ferreira Viana – rua João Tomaz Munhoz, s/n° (São Gonçalo) – 200 doses por dia

– EMEF Afonso Vizeu – rua Francisco Moreira, 285 (Areal) – 400 doses por dia;

– EMEF Francisco Caruccio – rua Leopoldo Brod, 3.220 (Três Vendas) – 200 doses por dia

– EMEF Francisco Barreto – rua Triunfo, 2257 (Laranjal) – 200 doses por dia

No Centro de Eventos, por meio do sistema drive-thru, a vacinação será ampliada para o grupo prioritário de idosos a partir de 68 anos. Na quarta-feira, será a vez dos que têm 69 anos ou mais. Na quinta, as pessoas com 68 anos ou mais poderão ser imunizadas.

Confira a programação do drive-thru

– Quarta-feira (31/3) – vacinação de idosos a partir dos 69 anos – Centro de Eventos, com entrada pela rua Pinheiro Machado, das 9 às 17h – 2 mil doses no dia

– Quinta-feira (1º/04) – vacinação de idosos a partir dos 68 anos – Centro de Eventos, com entrada pela rua Pinheiro Machado, das 9 às 17h – 2 mil doses no dia

Formulário garante agilidade na vacinação

A Prefeitura disponibiliza à população o formulário de vacinação, que pode ser levado preenchido previamente com os dados pessoais do beneficiado. A iniciativa visa agilizar o atendimento nos drive-thrus e nas escolas. No entanto, é importante ressaltar que não se trata de uma obrigação do cidadão.

Aqueles que optarem por levar o documento, precisam responder às questões que se encontram nas caixas com a indicação “preenchimento em letra de forma pelo paciente”. O restante, referente a detalhes clínicos, é feito de maneira manual pelos profissionais da saúde no dia da imunização.

O formulário está disponível no hotsite sobre o coronavírus.

O que é importante saber antes de se vacinar

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) alerta para os casos que devem apresentar atestado médico na hora de receber o imunizante. São eles:

  • – portadores de doenças reumáticas imunomediadas;
  • – pacientes oncológicos, transplantados ou demais casos de imunossuprimidos; e,
  • – pessoas que apresentaram reação anafilática confirmada a uma dose anterior de vacina Covid-19 ou a qualquer componente dos imunizantes.

Além disso, quem faz uso de imunoglobina humana deve se vacinar com, pelo menos, um mês de intervalo entre a administração da imunoglobina e o imunizante, a fim de evitar que ocorra interferência na resposta imunológica.

Não devem ser vacinadas as pessoas que apresentarem sintomas gripais ou demais doenças febris nas últimas quatro semanas.



Fonte: Diário da Manhã | Laranjal

Publicações Recentes

Assinar blog por e-mail

Digite seu endereço de e-mail para inscrever-se neste blog e receber notificações de novas publicações e promoções exclusivas por e-mail.

Junte-se a 36.975 outros assinantes

Compartilhe:

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Share on twitter
Twitter
Share on tumblr
Tumblr