Praia do Laranjal em Pelotas - Turismo no Rio Grande do Sul, Turismo em Pelotas
Praia do Laranjal em Pelotas - Turismo no Rio Grande do Sul, Turismo em Pelotas

A Vigilância Epidemiológica da Secretaria da Saúde (SMS), em parceria com o Observatório de Segurança Pública de Pelotas, apresenta os dados da sétima semana de zoneamento do novo coronavírus no município. A pesquisa foi realizada com base nos 467 casos confirmados e registrados até a terça-feira (14).

Apesar de estar em decréscimo em relação ao contágio, o Centro segue com o maior número de moradores infectados pelo vírus: 26% ou 3% menos do que o constatado no levantamento da sexta semana.

Diferentemente da região central, o Fragata e o Areal vêm se destacando, negativamente, quanto ao número de moradores, cujos exames registraram resultado positivo para o vírus: 22% e 20%, respectivamente. Em uma semana, houve o aumento de 3% no “bairro-cidade” e de 2% no Areal.

Logo em seguida, o bairro Três Vendas aparece com 15%, o São Gonçalo figura no mapa com 8%, e o Laranjal representa 5% ─ região do município em que a quantidade de contaminados está em declínio, assim como o Centro. A Barragem e a Colônia possuem 1% cada.

PERFIL DE INFECTADOS

A Vigilância Epidemiológica do Município divulgou, ontem, nova atualização do perfil das pessoas infectadas pelo coronavírus na cidade. No levantamento, que avaliou o número de casos positivos até 14 de junho (terça-feira), quando Pelotas tinha 467 confirmações, se destaca o crescimento entre os prestadores de serviços – profissionais que desempenham funções como as de pintor, encanador, cuidador de idosos e técnico de informática. O índice de contágio desses trabalhadores passou de 2,3% para 3,2% dos registros, até o momento.

A apuração realizada pelo setor de epidemiologia da Secretaria da Saúde (SMS), em parceria com o Observatório da Segurança Pública, também confirma que funcionários da saúde mantêm-se como os mais atingidos pela doença, apesar do aumento menos expressivo: são 22,3% do total – eram 22,8% na semana passada.

Já os comerciários e atendentes da área varejista, que, no período anterior, perfaziam 15,6% dos casos, respondem agora por 16,9% nesta semana. Os aposentados também estão contabilizados com acréscimo entre os contaminados, e saíram da marca de 9,8% para a de 10,3% na avaliação atual.

MENOS CONFIRMAÇÕES

O levantamento registrou casos de contágio em 27 áreas de atuação até o momento. Os profissionais examinados são da indústria (5,4%), da educação (3,4%), do transporte (3%) e da construção civil (2,8%). Da mesma forma, estudantes constam na pesquisa e constituem-se em 5,6% dos infectados pelo vírus causador da Covid-19.

Trabalhadores autônomos, da área de comunicação social, cozinheiros, pesquisadores, veterinários, líderes religiosos e profissionais do esporte representam menos de 1% dos positivados para coronavírus no município, conforme o levantamento da SMS para o período.

Mapa Contágio



Fonte: Diário da Manhã | Laranjal

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Compartilhe:

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on twitter
Twitter
Share on tumblr
Tumblr