Praia do Laranjal em Pelotas - Turismo no Rio Grande do Sul, Turismo em Pelotas
Praia do Laranjal em Pelotas - Turismo no Rio Grande do Sul, Turismo em Pelotas
Praia do Laranjal, Pelotas, Rio Grande do Sul

Até este domingo (18), Pelotas contabilizava 84.429 doses aplicadas. A vacinação para quem tem 60 anos segue na terça-feira (20) e quinta-feira (22) em sete escolas municipais

O final de semana foi marcado por grande movimentação no Centro de Eventos da Fenadoce, onde ocorreu o drive-thru de vacinação contra a Covid-19. No total, 2.532 pessoas com 60 anos ou mais foram vacinadas. Só durante este domingo (18), 1.364 doses foram aplicadas.

Édia Dias de 60 anos e Udo Weber de 63 anos foram se vacinar de caminhão. O casal elogiou o atendimento dos voluntários na ação. “Fomos muito bem atendidos e de maneira muito rápida”, comentaram.

Vacinação para quem tem 60 anos segue na terça-feira (20) e quinta-feira (22) em sete escolas municipais. Foto:Rodrigo Chagas

Mesmo não sendo necessário madrugar na fila, Ivone da Silva, 60 anos, chegou aos pavilhões da Fenadoce acompanhada do filho por volta das 6h e relatou o quão gratificante foi receber a primeira dose do imunizante. “É muito bom e muito importante receber esse carinho em forma de proteção. Estou muito feliz”, disse.

Aplicações seguem nas escolas municipais

A imunização para pessoas com 60 anos segue nas escolas municipais nesta semana. Com comprovante de residência, identidade, CPF ou Cartão SUS em mãos, os que têm essa idade poderão comparecer aos locais selecionados para receber a 1ª dose da vacina das 10 às 15h.

Confira o cronograma:

* terça-feira (20/4) – pessoas com 60 anos completos no dia da vacinação, nascidos entre 1º de janeiro e 30 de junho; e,

* quinta-feira (22/4) – pessoas com 60 anos completos no dia da vacinação, nascidos entre 1º de julho e 31 de dezembro.

Estarão disponíveis mil doses do imunizante, que serão divididas entre as sete escolas municipais selecionadas para vacinação. A aplicação será por ordem de chegada mediante distribuição de fichas.

Veja os sete endereços

* EMEF Balbino Mascarenhas – rua Cândido Augusto de Mello, 415 (Simões Lopes);

* Colégio Pelotense – rua Marcílio Dias, 1.597 (Centro);

* EMEF Ministro Fernando Osório – avenida Fernando Osório, 1.522 (Três Vendas);

* EMEF Ferreira Viana – rua João Tomaz Munhoz, s/n° (São Gonçalo);

* EMEF Afonso Vizeu – rua Francisco Moreira, 285 (Areal);

* EMEF Francisco Caruccio – rua Leopoldo Brod, 3.220 (Três Vendas);

* EMEF Francisco Barreto – rua Triunfo, 2.257 (Laranjal).

Atestado Médico

Além da documentação habitual, também é necessária a apresentação de atestado médico em alguns casos. Saiba quais são eles:

– portadores de doenças reumáticas imunomediadas;

– pacientes oncológicos, transplantados ou demais casos de imunossuprimidos;

– pessoas que apresentaram reação anafilática confirmada a uma dose anterior de vacina Covid-19 ou a qualquer componente dos imunizantes.

Além disso, quem faz uso de imunoglobulina humana deve se vacinar com, pelo menos, um mês de intervalo entre a administração da imunoglobulina e o imunizante, a fim de evitar que ocorra interferência na resposta imunológica. Não devem ser vacinadas as pessoas que apresentarem sintomas gripais ou demais doenças febris nas últimas quatro semanas.

Sobre o formulário de vacinação

Segue disponível para download, no hotsite do coronavírus em aba específica, o ‘Formulário de Vacinação’, que pode ser levado com os dados pessoais do beneficiário preenchidos. A pessoa deve responder, apenas, às questões que têm a indicação: “preenchimento em letra de forma pelo paciente”. Vale lembrar que este ato não se trata de uma obrigação do idoso, mas sim de uma forma que venha agilizar o processo e diminuir ainda mais o tempo de espera.

Continua a corrente da solidariedade

Durante as ações nas escolas e no Centro de Eventos, os pelotenses têm mostrado que a solidariedade é marca registrada do povo do Município. Quem tem comparecido aos pontos de imunização tem levado um quilo de alimento ou um material de higiene e/ou limpeza, para distribuição, por meio da Secretaria de Assistência Social (SAS), às famílias em vulnerabilidade social ou que estejam enfrentando dificuldades financeiras devido à pandemia. As contribuições de alimentos não-perecíveis, leite e produtos de higiene e limpeza podem ser realizadas todos os dias durante as ações.



Fonte: Diário da Manhã | Laranjal

Compartilhe:

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Share on twitter
Twitter
Share on tumblr
Tumblr