Praia do Laranjal em Pelotas - Turismo no Rio Grande do Sul, Turismo em Pelotas
Praia do Laranjal em Pelotas - Turismo no Rio Grande do Sul, Turismo em Pelotas

Your monthly usage limit has been reached. Please upgrade your Subscription Plan.

°C
Praia do Laranjal, Pelotas, Rio Grande do Sul

Prefeitura atua nas ocorrências causadas pela chuva e vento forte

Da terça-feira (7) até a manhã desta quarta-feira ( dia 8), Pelotas registrou 85 milímetros de chuvas, enquanto a média para todo o mês de setembro é de 130 milímetros. A leitura dos pluviômetros do Sanep acusou que, em pouco mais de 24 horas, as precipitações atingiram 65,3% do previsto para 30 dias. Até o meio-dia, não havia registro de desabrigados. A Prefeitura monitora a situação, com o trabalho das secretarias de Assistência, Social, Serviços Urbanos e Infraestrutura, Desenvolvimento Rural, Qualidade Ambiental, Transporte e Trânsito e Saúde, além do Sanep e Defesa Civil.

O Município mantém-se alerta, principalmente, quanto à ocorrência de ventos fortes nesta quarta e quinta-feira (9), e orienta a população no sentido de, no caso de rajadas, não se abrigar em baixo de árvores, nem estacionar veículos próximos a torres de transmissão ou placas de propaganda. Esses ambientes estão sujeitos a riscos de quedas ou descargas elétricas. O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) publicou aviso de variação do vento entre 40 e 60 km/h para quinta-feira.

A estrada do Pontal da Barra foi interditada, devido ao avanço da água da Lagoa dos Patos.

Serviços Urbanos e Infraestrutura

A estrada do Pontal da Barra foi interditada, devido ao avanço da água da Lagoa dos Patos. Desde o início da manhã, equipe e máquinas da Secretaria de Serviços Urbanos e Infraestrutura (Ssui) atuam no local. A vila do Pontal apresenta sistema de drenagem comprometido e registra alagamentos.

Segundo o secretário Fábio Suanes, as sete macrorregiões estão com pessoal trabalhando na otimização do sistema de drenagem. A Ssui destaca atendimento na Sanga Funda (avenidas Leopoldo Brod, Ildefonso Simões Lopes e Alfredo Theodoro Born), Três Vendas (avenida Zeferino Costa), e no Dunas, com desobstrução do canal de macrodrenagem da rua 20.

Qualidade Ambiental

Até o meio-dia desta quarta-feira, a SQA contava com registro de queda de cinco árvores – uma na avenida Bento Gonçalves, uma na avenida Juscelino Kubitschek de Oliveira, uma na rua Magda Costa (Areal) e duas no Laranjal. A das duas avenidas foram retiradas ainda pela manhã. Não houve pessoas atingidas.

A Secretaria monitora a evolução do quadro, acompanha a previsão do tempo e mantém em ação equipes e caminhão nas ruas, além dos serviços de empresa terceirizada. De acordo com o secretário Eduardo Schaefer, pela manhã, houve registro de rajadas de vento entre 70 e 80 km/h, com expectativa de redução e menos incidentes. A recomendação é para que as pessoas se protejam, adotando regras de segurança na ocorrência de vendavais.

Desenvolvimento Rural

Cinco pontes foram interditadas, na zona rural, entre a terça e esta quarta-feira, devido à água dos arroios que subiram e cobriram a passagem. Os distritos afetados foram o 7º, o 8º e o 9º.

O secretário Jair Seidel informa que a Secretaria interrompeu as estradas, nas imediações das pontes afetadas, por medida de segurança. Assim que as águas baixarem, equipes avaliarão as condições das estruturas para proceder com os reparos, se forem necessários.

As pontes interditadas são as seguintes:

* 7º distrito – Quilombo – ponte Santa Maria, arroio Pelotas; ponte Vila Nova, arroio do Andrade; ponte Rincão do Andrade;

* 8º distrito – Rincão da Cruz – ponte do Quilombo, arroio Quilombo; e,

* 9º distrito – Monte Bonito – ponte da Prainha, arroio Pelotas.

Defesa Civil

A Defesa Civil de Pelotas integra a força-tarefa de acompanhamento dos transtornos causados pelo mau tempo. Segundo o coordenador, tenente Paulo Darci dos Santos, não houve registro de pedidos de ajuda para remoção de pessoas de suas residências para abrigos ou casas de familiares. Duas lonas foram cedidas para cobrir moradias – uma no Balneário dos Prazeres e outra na Cohab Tablada.

Transporte e Trânsito

Não houve interrupção de vias, pela STT, em razão de alagamentos. Na ocorrência da queda da árvore na avenida Bento Gonçalves, o trânsito foi reduzido a meia pista, durante algumas horas, com sinalização e monitoramento de agentes da Secretaria.

O secretário Flávio Al-Alam informa que houve desvio de ônibus do Loteamento Toussaint, no bairro Três Vendas, e da Gottuzo, no Fragata, e interrupção na linha rural do Rincão do Andrade.

Até o meio-dia, todos os semáforos mantinham-se em funcionamento.

Saúde

A Atenção Básica da Secretaria Municipal de Saúde (SMS) informa que duas Unidades Básicas de Saúde (UBSs) da zona rural não abrirão para atendimento na tarde desta quarta-feira.

A Unidade Gruppelli não atenderá devido à suba da água do arroio próximo; a UBS Monte Bonito ficou sem energia elétrica, inviabilizando a jornada à tarde.

Na zona urbana, a UBS Bom Jesus não abriu nesta quarta-feira, devido a infiltrações da chuva na rede elétrica. Tão logo o tempo retome a estabilidade, a situação será avaliada e as providências adotadas de imediato para retomada do atendimento.

Sanep

O Sanep, além de acompanhar as precipitações, com monitoramento dos níveis acusados pelos pluviômetros, mantém em pleno funcionamento as oito casas de bombas para garantir a drenagem na cidade.

Equipes atuam na remoção de resíduos sólidos conduzidos até as grades das casas de bombas, pelos canais de macrodrenagem, para evitar qualquer dano mecânico e comprometimento do sistema.



Fonte: Diário da Manhã | Laranjal


Créditos da Foto ao fotógrafo da postagem original no Jornal Diário da Manhã.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Compartilhe:

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Share on twitter
Twitter
Share on tumblr
Tumblr