Praia do Laranjal em Pelotas - Turismo no Rio Grande do Sul, Turismo em Pelotas
Praia do Laranjal em Pelotas - Turismo no Rio Grande do Sul, Turismo em Pelotas

A orientação é para evitar a reação diante de roubo, porém, numa tentativa de assalto na sexta à noite, a vítima teve frieza e precisão para se defender. Com porte de arma e preparado para o uso apropriado, recorreu à pistola e conseguiu interromper a ação de quatro motociclistas.

BARONESA – Conforme relato, a vítima chegava em casa pouco depois das 21h no bairro Areal. Nas proximidades da Baronesa, o homem de 38 anos manobrava o veículo para guardá-lo na garagem da moradia. No entanto, ele observou uma movimentação diferente na rua. Quatro suspeitos, que estavam em duas motocicletas, aproximavam-se da residência da vítima.

CabeçalhoTIROS – Quando o homem foi abrir o portão da garagem, o grupo avançou e a vítima notou que o assaltante próximo ao carro estava armado. Com técnica para o manuseio de arma, a vítima sacou a pistola e fez três disparos. O assaltante foi atingido e caiu. Os demais perderam a valentia e trataram de fugir.

MORTE – Equipe do SAMU esteve no local, e atendeu V. S. F. de dezessete anos. Ele foi levado ao atendimento hospitalar, mas não resistiu e morreu. A vítima foi até a delegacia, esclareceu o ocorrido e foi liberada.

PRISÃO à avenida Alagoas no balneário dos Prazeres. Conforme o registro na Delegacia de Pronto Atendimento (DPPA), policiais cumpriram mandado de busca e apreensão em moradia no Barro Duro. No local, mulher de 48 anos informou que A. C. S. não estava presente. Os policiais então perguntaram sobre o veículo Voyage, prata, placas de Porto Alegre, e ano 2015, que estava na residência. A mulher disse que, para manter o carro no local, receberia a quantia semanal de R$100,00. O carro, no entanto, conforme verificado, consta como roubado e estava com placas falsas. Num quarto da casa, os policiais encontraram drogas e balança de precisão. Com isso, ela foi presa por tráfico, receptação, e adulteração de sinal identificador do veículo.

ASSALTO no bairro Nossa de Fátima, proximidade do lar de idosos Filadélfia. De acordo com a vítima, mulher de 34 anos, às 7h30min ela aguardava em frente ao local de trabalho, quando um desconhecido que estava de bicicleta, parou e exibiu uma arma. Ele exigiu o celular, mas a vítima jogou a bolsa e começou a correr. Porém, receosa de ser atingida com tiro, quando estava chegando na esquina, jogou o celular para trás. O ladrão pegou o aparelho e seguiu em direção ao Navegantes. Além do celular Samsung J4, a mulher também ficou sem cartões e objetos pessoais. Conforme descrição, o assaltante é branco e aparenta em torno de 35 anos de idade.

ARROMBAMENTO – Vítima de trinta anos, compareceu na Delegacia de Pronto Atendimento (DPPA), para registrar o furto em veículo. Conforme o Boletim de Ocorrência, a caminhonete Fiat City foi estacionada à rua 15 de Novembro, e o arrombamento ocorreu durante a noite. No dia seguinte, ao chegar no carro, a vítima notou que haviam sido levados acessórios, equipamentos e pertences. Ele listou a falta de uma câmera Go Pro, dois macacos – mecânico e hidráulico -, estepe, chave de rodas, cabo de alimentação, triângulo de sinalização, extintor de incêndio,  galão de combustível, peças de reposição do veículo, caixa de plásticos com roupas e calçados, engradado para camping, barraca, saco de dormir, engradado térmico.



Fonte: Diário da Manhã | Balneário dos Prazeres

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Compartilhe:

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on twitter
Twitter
Share on tumblr
Tumblr